GRUPO RODOXISTO

Tendências da Produção Agrícola em 2021

GRUPO RODOXISTO

Blog

Tendências da Produção Agrícola em 2021

Tendências da Produção Agrícola

Tendências da produção agrícola em 2021, o mercado de produtos agrícolas se renova a cada dia.

O aumento do consumo consciente, a evolução da biotecnologia, a automação no campo e a preocupação com a sustentabilidade contribuem para impulsionar essa mudança positiva no agronegócio.

Todas essas alterações acabam por exigir que os produtores agrícolas se adaptem às novas tendências e necessidades do mercado.

Com a safra de 2020 e 2021, as previsões para o setor em 2021, prevê-se que a receita do agronegócio chegue a atingir R$490 bilhões, um crescimento de 22% em comparação ao ano de 2019.

De acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), as exportações de produtos agrícolas devem crescer no próximo ano. Também positivas são as previsões do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) que prevê um crescimento de 3,2% no PIB do setor.

Se preparar para acompanhar o cenário é necessário para se manter relevante no mercado. Saber as tendências da produção agrícola do ano de 2021 pode te garantir uma safra rentável, lucrativa e sustentável.

A primeira delas, são os equipamentos autônomos. O uso de equipamentos sem cabine na agricultura, e totalmente controlados por computador/GPS estão cada vez mais em alta afim de otimizar o desempenho e aumentar a produtividade.

Os drones são outra aposta promissora que permite um monitoramento de toda a área de uma plantação com mais facilidade e eficiência. Eles auxiliam na detecção de pragas ou focos de incêndios, são úteis para demarcação de terras e fazem o acompanhamento da plantação.

A biotecnologia, seguindo a importância da sustentabilidade na agricultura, vai na direção de uma produção mais eficiente, pois preserva os recursos naturais e aumenta a produção de alimentos. Ela permite a criação de sementes transgênicas, mais resistentes às doenças e pragas que tendem a dispensar o uso excessivo de pesticidas.

Seguindo a linha da preservação ambiental, os fertilizantes sustentáveis não causam dano ambiental e ainda contribuem para a proteção de recursos naturais (ao contrário dos fertilizantes químicos que contaminam o solo, a água e ar), além da melhoria da qualidade do solo.

https://www.terradecultivo.com.br/5-tendencias-para-o-mercado-de-produtos-agricolas-em-2021/

Fique informado  aqui no blog 

Nos siga nas nossas redes sociais Instagram Facebook.

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp