GRUPO RODOXISTO

Blog

O que é intraempreendedor?

O que é intraempreendedor? Um dos maiores desafios de qualquer profissional nos dias de hoje é manter-se motivado no trabalho.

 
Fazer algo com propósito e não se sentir só mais uma peça dentro de uma organização é um sonho que faz muitas pessoas deixarem seus cargos, a segurança e empreender um negócio por conta própria.
 
O problema é que essa fuga de cérebros causa um grande problema para as empresas. Visto que a maioria dos profissionais que aceitam esse risco são grandes talentos em potencial, que por vezes a as empresas perdem.
 
Para aproveitar o potencial da equipe, identificar melhorias e até criar novas unidades de negócio as empresas tem recorrido, ainda que de forma tímida, ao intraempreendedorismo.
 
Nós explicamos neste texto o conceito de intraempreendedorismo.

Explicando o que é intraempreendedor

Um intraempreendedor é o profissional que empreende internamente em uma organização. Seja atuando em melhorias incrementais de processos internos, no desenvolvimento de novos produtos ou em casos onde há mais abertura, criando novas unidades de negócio.
 
Ser um intraempreendedor é uma forma de empreender com segurança, mas para não se frustrar é importante entender e lidar com os limites impostos pela empresa. Afinal, o negócio não é seu, por mais que em alguns casos a empresa te faça pensar isso.
 
Vamos falar mais sobre isso, mas em alguns casos talvez seja mais indicado abrir um negócio próprio.

Como se tornar um intraempreendedor?

A seguir vamos listar alguns pontos importantes se você está pensando em seguir na carreira de intraempreendedor.

1. Entenda o quão aberta a sua empresa está a inovação.

Uma das coisas mais frustrantes para um intraempreendedor é ter as suas ideias barradas por um chefe ou norma da organização.
 
Por isso antes de se dedicar ao intraempreendedorismo, certifique-se de que a empresa seja realmente aberta a novas idéias.
 
O conceito de inovação e empreendedorismo interno ainda são muito novos no Brasil. Muitas empresas não estão prontas para muitos dos componentes das metodologias voltadas a inovação.
 
Principalmente sobre a mentalidade empreendedora.

2. Será que eu deveria ser um intraempreendedor?

Essa é uma pergunta importante a ser feita. Se você quer ter 100% de controle das suas decisões, talvez seja uma boa ideia ser um empreendedor convencional.
 
Não estou dizendo para você largar o emprego e pular de cabeça. Talvez seja uma boa ideia empreender em meio período, começar um negócio aos poucos.
 
Podemos dizer que 90% das nossas startup são formadas por profissionais que não deixaram seus empregos no início para empreender.
 
Óbvio que é uma rotina cansativa, mas é uma forma de testar a viabilidade de uma ideia sem perder a segurança de ter um salário.

3. Desenvolva uma visão sistêmica.

Não importa se você vai empreender dentro ou fora de uma organização. É importante ter uma visão “do todo” quando se vai atuar em uma iniciativa inovadora.
 
Desenvolver uma visão sistêmica vai te ajudar a entender melhor como questões estratégicas e interdependências do seu novo empreendimento.
 
Todo empreendedor deve saber o básico sobre os fatores que levam um negócio ao sucesso. Eles não são diferentes em negócios internos. As vendas são importantes, a saúde financeira é importante, as pessoas envolvidas são MUITO importantes e assim por diante.

4. Estude o funcionamento do processo de inovação.

Nos dias de hoje, onde tudo acontece de maneira muito rápida é essencial conhecer o funcionamento do processo de inovação.
 
Principalmente sobre como as startups funcionam e como você pode trazer esses conceitos para dentro da sua organização.
 
As startups são desenvolvidas em um sistema “construir, medir e aprender“. Essa filosofia é fundamentada no “erre o mais rápido possível“. Isso ainda não é bem visto dentro das organizações, por isso é sempre bom ir analisando o quão engajada com a inovação a sua organização está.
 
Meus conselhos de estudo para intraempreendedores:
  • Aprenda sobre lean startup.
  • Aprenda sobre design thinking.
  • Aprenda sobre ux.
  • Aprenda a ter ideias inovadoras.

Concluindo: o que é intraempreendedor?

Se você chegou até aqui é possível que você esteja a procura de realização profissional, de construir algo que você acredite.
 
Se esse for o caso, invista em desenvolver a sua visão empreendedora. Não precisa ser radical, largar o emprego e apostar todas as suas fichas. Mas estude, se mova!
 
Espero que você tenha entendido o que é intraempreendedor.
 
Até o próximo post.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp